Como criar um sitemap em WordPress

15 Jan, 2021 | Optimização SEO

Criar um sitemap num site em WordPress é muito simples. E é fundamental para ter o site totalmente rastreado pelos motores de busca. Um sitemap deve conter todas as suas páginas relevantes de forma bem estruturada.

Mas como é que num site em WordPress consegue criar um sitemap à medida do que precisa?

Como criar um sitemap em WordPress

Existem duas formas distintas para criar um sitemap em WordPress

  1. Criar um sitemap sem um plugin
  2. Criar um sitemap com um plugin

1. Criar um sitemap sem um plugin:

O WordPress 5.5 introduziu esta funcionalidade por defeito. Portanto, se ainda não atualizou para a última versão do WordPress, esta é mais uma razão para o fazer.

Se ainda não tem nenhuma ferramenta instalada no seu site de WordPress para a criação de sitemap experimente adicionar no final do seu domínio /wp-sitemap.xml. Vai encontrar um sitemap que o WordPress gera automaticamente sem ter de fazer mais nada.

Vai notar de imediato que este sitemap é demasiado limitado, pois não lhe permite ordenar links, nem criar estrutura. Sendo o WordPress o Open Source mais utilizado para a criação de sites, é claro que já existem muitos plugins preparados para o ajudar a criar um sitemap com estrutura e níveis de importância.

A maioria dos Plugins de SEO inclui a criação de um sitemap estruturado nas versões gratuitas, daí que aconselhamos a sua utilização.

2. Criar um sitemap com um Plugin

Aqui vamos mostrar-lhe como pode criar um sitemap mais estruturado com a ajuda de um plugin. Vamos utilizar o Yoast SEO como exemplo, na versão gratuita, embora existam outros com esta funcionalidade, como AIO SEO.

Se já utiliza o Yoast SEO para optimizar o seu SEO, saiba que a funcionalidade de criação de um sitemap.xml vem activa por defeito.

Como começar a criar o sitemap:

Primeiro deverá adicionar e activar o Plugin Yoast SEO, e automaticamente terá um sitemap.xml com uma estrutura já criada. O Yoast cria vários ficheiros XML. Terá um ficheiro principal com links para outros ficheiros XML para as suas páginas, categorias, imagens, etc.

Para se certificar que o sitemap está activo apenas terá de ir ao menu ‘ SEO » Geral ‘, e na tab ‘Funcionalidades’ (Features) confirmar se esta funcionaldiade está ligada. Se não estiver active-o e clique em ‘Guardar alterações’.

Activar Sitemap - Yoast

Depois, para poder visualizar o seu sitemap.xml clique no ponto de interrogação que encontra junto do título ‘Sitemaps XML’. Aqui encontra o link de acesso ‘Veja o sitemap XML‘. Terá acesso à página do sitemap.xml que pode visualizar em qualquer browser.

Ver sitemap XML

Vai abrir a página com o seu sitemap onde vai encontrar os conteúdos estruturados por tipo. Verifique se tem os links para as suas páginas, artigos, categorias e por aí fora. Consoante os seus conteúdos pode ter outros Post Types e Taxonomias. Pode deixar apenas assim ou pode configurar de forma a que tenha apenas o que considera ser relevante que apareça. Note ainda que todos os conteúdos apresentam a data da última actualização, e que se encontram divididos por tipo de conteúdo.

Sitemap de site em WordPress

O Yoast SEO permite-lhe escolher o que pretende que seja incluído ou não, de forma a ser rastreado de acordo com os seus objectivos. Mas se tiver outras páginas fora do seu site em WordPress, como por exemplo Landing Pages, saiba que não serão incluídas aqui neste sitemap.xml.

Para isso, este Plugin criou um filtro para programadores poderem adicionar todos os URLs que forem necessários adicionar ao seu sitemap principal. Visto que muitas landing pages são criadas com outro tipo de ferramentas, ficarão excluídas do seu sitemap caso não as introduza. Se forem essenciais e importantes para a sua estratégia, deverá adicioná-las no sitemap do seu website.

Como excluir conteúdos do seu sitemap

Primeiro precisa compreender a relevância de cada página e se quer que os utilizadores entrem por determinada página no seu site. Se a página é pouco relevante e não é bom para a sua estratégia que alguém entre no seu site por essa página, então é melhor excluí-la do sitemap.

Para excluir uma página ou um artigo do seu sitemap tem essa opção no Yoast SEO. Vai encontrar em todas as suas páginas e artigos as configurações avançadas do Yoast SEO para essa página ou artigo em particular. A apresentação do Yoast SEO no seu site pode ser ligeiramente diferente consoante a sua instalação e versão de Wordress. Mas geralmente encontra as configurações do Yoast SEO no final do écran de edição das páginas e dos artigos.

Em todas as páginas e artigos, nas configurações do Yoast SEO, encontra aTab de opções avançadas. Aqui verifique as duas primeiras opções que lhe aparecem:

1. “Allow search engines to show this Post/Page in search results?”: No

2. e a seguir a opção “Should search engines follow links on this Post/Page”: Yes

O objectivo é dar a indicação da tag ‘noindex, follow‘ para a páginas ou artigos que não pretende que apareçam nas pesquisas. Para conseguir obter esta indicação deverá escolher as opções indicadas no ponto 1 e 2 acima. Com isto está a indicar aos motores de busca que podem seguir a página e os links que nela se encontram (follow), mas não deverão apresentar esta página nos resultados de pesquisa (noindex).

Não bloqueie a página de ser seguida pois pode ter links que são importantes serem seguidos. E na realidade nada impede os motores de busca de seguirem ou de apresentarem a página nos resultados de pesquisa. Estas Tags servem apenas para indicar a sua intenção. O Google e o Bing seguem as boas práticas da internet e cumprem o seu pedido. Outros motores de busca poderão não fazer o mesmo.

Nas configurações do Yoast SEO tem também a possibilidade de excluir alguns conteúdos no seu todo. Vá ao menu ‘SEO » Apresentação de pesquisa’ e encontra os diferentes tipos de conteúdos que podem ou não ser incluídos no seu sitemap. Pode excluir as tags, as categorias, arquivos por data, etc.

Depois de criar o seu sitemap.xml não se esqueça de o submeter no Google Search Console, e mantenha-se a par das correcções importantes a fazer com as informações que esta ferramentas lhe fornece.

Sabia que o seu sitemap.xml pode contribuir para o SEO?

Compreenda a importância de ter um bom sitemap.xml e como este o pode ajudar a fazer crescer a sua visibilidade no Google.

Leia o nosso artigo: A importância de ter um sitemap @ MAGAZINE MAGAWORKS

Subscreva a nossa Newsletter

Fique a par de todas as nossas novidades subscrevendo a nossa newsletter.
Fica registado na nossa lista "Magaworks® Newsletter" mas pode, em qualquer momento, alterar os seus dados ou cancelar a sua subscrição.

Para saber mais leia a nossa Política de Privacidade.

artigos relacionados